Voltar

23 de maio de 2024

Pneumo 15: conheça os detalhes da vacina pneumocócica


Clock 4 minutos de leitura
young doctor is holding hypodermic syringe with vaccine vial rubber gloves gray wall

A vacina pneumocócica é uma dose especializada no combate aos mais populares infecções respiratórias — sejam elas mais leves, como a sinusite, ou quadros mais graves, como pneumonia e meningite.

A solução para estes e muitos outros problemas de saúde dessa natureza pode estar na aplicação da vacina Pneumo 15, opção que promove cuidados completos para quem busca se proteger contra infecções pneumocócicas.

Conte com o post do blog da Farmácia Indiana para entender completamente os detalhes por trás dessa vacina. Fizemos questão de responder as principais dúvidas e esclarecer informações que fazem a diferença, indo desde a origem, produção e ação da vacina Pneumo 15, bem como suas contraindicações e principais diferenças para outras doses do mesmo segmento.

Boa leitura!

Como surgiu a vacina Pneumo 15?

A vacina Pneumo 15 foi desenvolvida para combater as infecções pneumocócicas — nome dado às doenças causadas pela bactéria Streptococcus pneumoniae — ou, simplesmente, pneumococo.

Para imunizar o corpo contra as já citadas sinusites, meningites e pneumonias, bem como as demais doenças similares, o desenvolvimento da dose culminou na identificação dos 15 sorotipos (subtipos, partes da bactéria) mais comuns da bactéria pneumococo. Assim, a Pneumo 15 surge como alternativa eficaz contra vários tipos de cepas pneumocócicas.

Como é feita a vacina Pneumo 15?

A dose da Pneumo 15 é produzida por meio do cultivo dos 15 sorotipos identificados no pneumococo em laboratório. O objetivo é coletar os antígenos cultivados de cada uma dessas cepas para, posteriormente, se unirem aos excipientes e demais componentes da vacina.

É importante ressaltar que, assim como na produção das demais vacinas, ela é considerada como “inativada”. Ou seja: apesar de promover suas ações via partes da cepa, a vacina não contém a bactéria viva e, portanto, não pode causar a infecção.

Como a vacina Pneumo 15 age no organismo?

O meio de ação da vacina pneumocócica junto ao organismo é por meio do estímulo ao sistema imunológico, visando fazer com que o próprio corpo produza anticorpos específicos para combater os sorotipos pneumocócicos.

O objetivo, no fim das contas, é preparar o corpo para reconhecer e combater a bactéria pneumococo no caso de uma exposição futura, reduzindo significativamente o risco de infecção.

Veja também mais informações sobre a ação dos injetáveis para emagrecimento!

Quais os possíveis efeitos colaterais da vacina Pneumo 15?

A Pneumo 15 pode causar os efeitos colaterais leves e temporários característicos de qualquer tipo de vacina, como dor no local da injeção, febre baixa e irritabilidade.

Já os efeitos colaterais mais graves são extremamente raros, mas, a depender do organismo, podem ser identificados sintomas de urticária, febres mais altas e até apneia.

Quais são as contraindicações da vacina Pneumo 15?

Essa versão de vacina pneumocócica apresenta baixa taxa de contraindicação, sendo segura para a maioria das pessoas. A principal recomendação é que você consulte seu profissional da saúde de confiança para te ajudar a identificar se você possui alergias a algum componente específico da dose.

Fica um alerta especial às pessoas que já demonstraram algum tipo de reação a vacina que apresente toxoides diftéricos entre seus componentes, dada a similaridade de alguns aditivos da dose Pneumo 15.

Quem pode tomar a vacina Pneumo 15?

A vacina Pneumo 15 é inicialmente indicada em faixas etárias específicas. A recomendação é realizar a aplicação em crianças de até 5 anos ou idosos com mais de 60. Isso porque entre as idades, o organismo tende a combater sozinho às condições.

Entretanto, a vacina Pneumo 15 pode ser recomendada em casos de pessoas de todas as idades que apresentem:

  • Imunossupressão;

  • Diabetes;

  • Asma grave.

A seleção das condições para aplicação se deve ao fato dos grupos apresentarem um maior risco de infecção por meio de bactérias pneumocócicas.

Quais são as diferenças da Pneumo 15 para outras doses?

A principal diferença entre a vacina Pneumo 15 e as demais vacinas pneumocócicas é evidenciada no nome: o número de sorotipos identificados e cultivados para tornar vacina ainda mais completa.

Ela é um “upgrade”, aliás, da famosa vacina Pneumo 13, ainda eficiente e distribuída em boa parte do Sistema Único de Saúde (SUS), mas que não conta com a cobertura de duas cepas específicas — que tornam a Pneumo 15 uma opção mais segura e completa para garantir uma imunização. Felizmente, você consegue adquirir a vacina na Farmácia indiana!

Agora você sabe tudo o que precisa sobre a vacina Pneumo 15: dose muito importante para combater as infecções respiratórias que vão de níveis mais brandos até os casos mais graves. É muito importante ter ciência do modo de produção, funcionamento, possíveis efeitos colaterais e de todas as contraindicações para garantir que, no fim das contas, tanto a sua imunização quanto a dos seus familiares seja segura e eficiente.

Esperamos que tenha gostado de mais um post da Farmácia Indiana! Aprofunde seu conhecimento sobre mais vacinas importantes, como a vacina da dengue, conhecendo sua importância na garantia da imunização contra a doença.


Clock 4 minutos de leitura